Vagas de Estágio na SAEB na Bahia

  

Governo da Bahia oferta 3.105 vagas de estágio.

Quem está em busca de um estágio e reside no Estado da Bahia, precisa ficar ligado nessa notícia divulgada pelo Governo Estadual. Isso porque a Secretaria da Administração da Bahia, a SAEB, lançou na última terça-feira, dia 29 de agosto, um novo edital para o preenchimento de pelo menos 3.105 vagas em estágios em órgãos diferentes do Governo.

As oportunidades são para candidatos com nível superior e nos mais diversos cursos. E se você ficou interessado, nós te damos algumas dicas para não ficar de fora do processo de seleção. Vamos a elas.

Quais os cursos que podem participar do processo seletivo?

Podem participar da seleção os alunos dos diferentes cursos visados. São eles: Ciências Contábeis, Administração, Direito, Engenharia da Pesca, Engenharia Agronômica, Jornalismo, Análise de Sistemas, Medicina Veterinária, Arquitetura, Engenharia Civil, Ciências Econômicas, Engenharia da Computação, Engenharia Sanitária e Ambiental, Gestão de Redes de Computadores, Ciências da Computação, Secretariado, Engenharia Ambiental, Comunicação Social, Engenharia de Produção, Engenharia de Petróleo, Engenharia Química, Engenharia Mecânica, Informática, Biblioteconomia, Arquivologia, Design, Relações Internacionais, Letras, Engenharia de Minas, Turismo e Hotelaria, Geologia, Engenharia Elétrica, Ciências Biológicas, Química, Farmácia, Arquitetura e Urbanismo, Pedagogia, Engenharia Eletromecânica, Engenharia de Produção Civil, Dança, Publicidade e Propaganda, Desenho e Artes Plásticas, e muito mais.

Quais os pré-requisitos para participar?

Além de possuir um dos cursos citados acima, os estudantes ainda precisam ter idade mínima de 16 anos e ter concluído, no mínimo, metade (50%) do curso de graduação. Ainda, eles precisam estar regularmente matriculados nos cursos de graduação presencial.

Como faço para me inscrever?

Quem quiser se inscrever, pode fazê-lo somente pela internet, no endereço eletrônico disponibilizado para isso. O link é www.programaestagio.saeb.ba.gov.br. Fique ligado no prazo final de recebimento das participações, sendo esse no dia 17 de setembro de 2017.

Como será feita a escolha dos estagiários?

Conforme a Administração Estadual da Bahia, o preenchimento de todas as vagas obedecerá uma ordem específica e sequencial, levando em conta alguns critérios muito importantes. Sendo assim, essa será feita da seguinte maneira: em primeiro lugar, serão convocados os que estão inscritos no CadÚnico e que tenham renda per capita de até meio salário mínimo e máxima renda familiar de três salários mínimos; na sequência, pessoas que tenham estudado o seu nível médio nas escolas públicas ou que possuam bolsa integral em rede particular de ensino; por fim, é sorteado os demais alunos para preenchimento de vagas.

Qual a validade do certame?




A validade do processo é de seis meses, podendo esse ser encerrado antes mesmo do prazo, seja por interesse da administração ou por preenchimento de todas as oportunidades.

Qual o tempo para o termo de compromisso do estágio?

O termo de compromisso do estágio é celebrado por um período de um ano, não havendo a possibilidade de renovação do mesmo. A única exceção para esse prolongamento se refere aos estagiários que possuam algum tipo de deficiência.

Quais os benefícios para o estagiário?

Quem for selecionado como estagiário do Governo do Estado da Bahia receberá uma bolsa estágio de R$ 455, sendo essa paga pelos órgãos e/ou as entidades da Administração Pública Estadual. Além dessa, os mesmos ainda receberão auxílio no transporte.

O valor não se refere aos estagiários da DesenBahia, que recebem uma bolsa estágio diferente, no valor de R$ 1.424. O auxílio transporte também é oferecido a esses.

Quem tiver alguma dúvida e quiser saber mais sobre o certame, pode visualizar o edital do processo no mesmo endereço disponibilizado para as inscrições. Leia atentamente e participe.

A carga horária de atividades do estágio também varia conforme o cargo pretendido, podendo esse ser de 4 horas por dia e 20 horas por semana.

Por Kellen Kunz


Compartilhe esta notícia