Vagas de Estágio Abertas na Embrapa Meio-Norte – 2018





Embrapa Meio-Norte oferta 52 vagas de estágio em Teresina (PI).

Há tempos o mercado de trabalho tem exigido muito mais do que um diploma. O maior medo que ronda os estudantes é, certamente, a incerteza de alocação em sua área de atuação. Por esse motivo, as pessoas estão investindo cada vez mais em qualificação pessoal. Até quem ainda não se formou já começa a pensar em opções de aprimoramento em seu campo de conhecimento.

As principais dúvidas são: Como ter experiência depois de formado sem nunca ter atuado ativamente em um mercado de trabalho tão competitivo quanto o atual? Como atender às perspectivas do empregador sem nunca ter sido exposto aos desafios reais da carreira? As respostas para essas perguntas podem estar no bom aproveitamento em um estágio dentro de uma boa empresa.




Estágios são sempre boas oportunidades de aplicar o conhecimento e adquirir experiência ao mesmo tempo. Muitos cursos técnicos ou da graduação exigem estágio obrigatório. No entanto, mesmo sem a obrigação de estagiar, os estudantes buscam por vagas em empresas que oferecem a modalidade, seja para desenvolver suas habilidades, ou como uma fonte de renda que não interrompa os estudos.

Sobre a empresa

A Embrapa é uma empresa que possui vínculo ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Como o próprio nome sugere, a Embrapa realiza importantes pesquisas em áreas relacionadas à agricultura, a fim de melhorar o desempenho na produção de alimentos.


Trata-se de uma empresa sólida, criada em 1973, que conta com centenas profissionais qualificados. O principal compromisso da Embrapa é gerar novas tecnologias com sustentabilidade.

Vagas de Estágio em Teresina (PI)

Até o dia 9 de fevereiro será possível se inscrever para uma das 52 vagas de estágio oferecidas pela Embrapa. Para concorrer é necessário ser estudante matriculado no ensino médio técnico, superior e tecnólogo. Há vagas para diversas áreas de conhecimento, tais como: Agronomia, Ciências Biológicas, Veterinária, Informática e Administração de Empresas.

O estágio pode ser remunerado ou não. Além do mais, existem vagas para estágio obrigatório e não obrigatório. Os critérios de seleção podem variar de acordo com a vaga almejada. Para os interessados, o melhor a fazer é ler o edital disponível em: https://www.embrapa.br/documents/1354386/31117723/edital+estagio+01+2018+retificado/d4f59667-6e6c-54e4-3d7e-4d104c776116.

Os estágios têm duração de três meses a um ano, podendo ser prorrogados por iniciativa da empresa. Para todas as vagas são exigidos pré-requisitos obrigatórios e complementares. Um quadro com as informações completas sobre as vagas está disponível em anexo ao edital.

A carga horária varia entre oito e trinta horas semanais, distribuídas de segunda à sexta-feira, nos períodos da manhã ou da tarde. Das 52 vagas, 10% são destinadas aos alunos portadores de deficiência física.

Processo seletivo

Para se inscrever, o candidato deverá se dirigir ao Centro de Pesquisa Agropecuária do Meio-Norte ou à Unidade de Execução de Pesquisa de Parnaíba, munido de toda a documentação descrita no edital e do formulário de inscrição preenchido corretamente. O formulário está anexado ao edital, ambos disponíveis no link a seguir: https://www.embrapa.br/documents/1354386/31117723/edital+estagio+01+2018+retificado/d4f59667-6e6c-54e4-3d7e-4d104c776116.

Após realizar a inscrição, o candidato deverá aguardar o inicio do processo seletivo, que ocorrerá entre os dias 15 e 23 de fevereiro. A seleção dos candidatos será por meio da análise de currículo seguida de entrevista com os responsáveis pela área de estágio de cada selecionado. O resultado dessa etapa será divulgado no dia 28 de fevereiro.

O endereço completo e telefone dos polos de inscrição citados anteriormente estão dispostos no edital, assim como os critérios de pontuação utilizados para avaliar cada candidato nessa primeira etapa. Para estar entre os selecionados, o estudante precisará de pontuação média igual ou superior a 2,5.

Leia o edital atentamente e boa sorte!

Por Nanny Cunha

Compartilhe esta notícia