Vagas de Estágio no MAPA 2018 – 2019




Seleção teve as inscrições temporariamente suspensas.

Uma notícia importante chega ao público. O Centro de Integração Empresa Escola, o CIEE, anunciou, nesta última quarta-feira, dia 29 de agosto, que houve suspensão do concurso do Ministério da Agricultura, da Pecuária e do Abastecimento, o MAPA, cujo objetivo seria o preenchimento de 784 postos de estágio. De acordo com as informações angariadas, houve problemas na adequação do edital. Ainda não foi informada a data de publicação de novo edital.

Portanto, o certame que visa ao provimento de cargos no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, está no presente momento em suspensão para nova adequação de edital.


Sobre as vagas de estágio no MAPA de 2018 as informações são as seguintes:

Seriam em torno de 255 postos de estágio destinados aos alunos de ensino médio regular e de cursos técnicos em informática. Haviam mais 559 destinados aos estudantes de ensino superior nas seguintes áreas: curso de administração; curso de administração com especialidade em comércio exterior; curso de agronegócio; curso de agronomia; curso de arquitetura; curso de arquivologia; curso de biologia; curso de ciências contábeis; curso de ciência da computação; curso ciências socioambientais; curso de ciências biológicas; curso de ciências econômicas; curso de comércio exterior; curso de direito; curso de economia; curso de educação física; curso de engenharia ambiental; curso de engenharia civil; curso de engenharia de alimentos; curso de engenharia de produção; curso de engenharia florestal; curso de farmácia; curso de geografia; curso de gestão de agronegócio; curso de gestão de recursos humanos; curso de gestão portuária; curso de gestão pública; curso de jornalismo; curso de medicina veterinária; curso de nutrição; curso de pedagogia; curso de publicidade & propaganda; curso de química; curso de química industrial; curso de relações internacionais; curso de secretariado executivo; curso de serviço social; curso de sistema da informação; curso de sociologia; curso de tecnologia da informação e curso de zootecnia.

Os pré-requisitos seriam: para ocupar as vagas que exigem ensino médio ou técnico, a idade mínima era de 16 anos e estar cursando o 1º ou o 2º ano acadêmico. Para os concorrentes universitários era necessário haver concluído ao menos 30% da faculdade e estar disponível para o estágio em um período mínimo de seis meses.

Sobre a bolsa-auxílio as informações são as seguintes:

Ela está em plena conformidade com o nível de escolaridade e a carga horária de estágio. Estudantes de nível médio e técnico receberiam em torno de 203 reais para uma jornada de quatro horas diárias e 290 reais para seis horas diárias de estágio. Os estudantes universitários receberiam em torno de 364 reais, para as quatro horas diárias de estágio e 520 reais para seis horas de estágio. Todos os estudantes aprovados no processo seletivo seriam beneficiados com o auxílio-transporte no valor de 6 reais por cada dia estagiado.


Conforme os dados do edital, todos os postos seriam lotados nos seguintes municípios:

Na capital São Paulo – SP; em Botucatu – SP; em Cananéia – SP; em Campinas – SP; em Guaratinguetá – SP; em Guarulhos – SP; em Jundiaí – SP; em Presidente Prudente – SP; em Santos – SP; em Brasília – DF; em Assis Brasil – AC; em Epitaciolândia – AC; em Rio Branco – AC; em Maceió – AL; em Manaus – AM; em Macapá – AP; em Ilhéus – BA; em Juazeiro – BA; em Salvador – BA; em Vitória da Conquista – BA; em Fortaleza – CE; em Vitória – ES; em Goiânia – GO; em São Luís – MA; em Belo Horizonte – MG; em Betim – MG; em Varginha – MG; em Cascavel – PR; em Curitiba – PR; em Foz do Iguaçu – PR; em Londrina – PR; em Maringá – PR; em Paranaguá – PR; em Ponta Grossa – PR; em Santa Helena – PR; em São José dos Pinhais – PR; em Toledo – PR; em Umuarama – PR; em João Pessoa – PB; em Garanhuns – PE; em Petrolina – PE; em Porto Suape – PE; em Recife – PE; em Teresina – PI; em Rio de Janeiro – RJ; em Natal – RN; em Porto Velho – RO; em Boa Vista – RR; em Itaqui – RS; em Jaguarão – RS; em Lajeado – RS; em Porto Alegre – RS; em Porto Xavier – RS; em Santa Cruz do Sul – RS; em Florianópolis – SC; em Aracajú – SE; em Palmas – TO; em Cuiabá – MT; em Campo Grande – MS e em Belém – PA.

Paulo Henrique dos Santos

Compartilhe esta notícia